OpenBASE! o Banco de Dados Inteligente  Anterior  Sumário  Fale conosco!  Próximo

Itens Memo tipo M, O e Q

Propósito

Armazenar um campo texto ou uma imagem bmp, gif ou jpg.

Sintaxe

nome: nomearq E

item_chace (0) tipo/tamanho

item_memo M4/O4/Q4

Utilização

Em um esquema, no lugar de se definir um item memo M4 pode ser definido um item tipo O4 ou Q4. Neste caso, no lugar de ser criado um diretório com nome do arquivo onde está o item M4(mmnomearq) e dentro deste diretório ser criado outro diretório com o nome do item M4 onde são armazenados os arquivos memo referentes ao itens M4, é criado um arquivo para conter os memos, evitando ocupação desnecessária de espaço em disco, ou problemas de permissão de leitura/execução/gravação deste arquivos.

Na linguagem OPUS pode ser utilizados as funções MEMOPUT, MEMOGET, MEMODEL e MEMOFILE para processar itens tipo O ou Q.

O utilitário bdveri verifica a integridade referencial entre os itens memo (M4, O4 o uQ4) e os arquivos no diretório mm<arq>/<item> ou cadeias nos arquivos oo<número> ou qq<arqu><item>.

Para não ser efetuada a verificação especificar a opção –m.

O utilitário bddesc descarrega nas opções –a<arquivo> ou –S (todos) no mesmo formato os itens memo, permitindo a conversão de tipo quando utilizado o utilitário bdadic.

Ao se alterar um item de M4 para O4 ou Q4, ou de O4 para Q4, deve-se descarregar o arquivo em questão(bddesc), alterar o tipo do item no esquema, recompilar(define <nome do esquema>) o banco recriando o arquivo, e por fim recarregar tal arquivo(bdadic)

O item Q4, foi criado, visto que a utilização do item O4, gera para cada item O4, um arquivo com o nome oo+número seqüencial do item O4 no esquema. Com isso, cada vez que for acrescentado ou retirado qualquer item declarado antes do item O4, o arquivo oo+número seqüencial do item O4 é redefinido com outro nome.

Exemplos

nome: arqtes e

c1(0)    N3

mem1    O4

mem2    O4

Para o tipo O são criados, automaticamente, os arquivos:

nome: oo000002 r

chave(0)    I4

valor    U500

e

nome: oo000003 r

chave(0)    I4

valor    U500

onde:

os valores dos itens chave dos arquivos oo000002 e oo0000003 são os valores dos itens mem1 e mem2 quando diferentes de zero. Os nomes dos arquivos são formados de oo + número do item tipo O.

Para o tipo Q são criados automaticamente os arquivos:

nome: qqarqtmem1 r

chave(0)    I4

valor    U500

e

nome: qqarqtmem2 r

chave(0)    I4

valor    U500

onde: os valores dos itens chave dos arquivos qqarqumem1 e qqarqumem2 são os valores dos itens mem1 e mem2 quando diferentes de zero. Os nomes dos arquivos são formados de qq + as quatro primeiras letras do nome do arquivo + as quatro primeiras letras do nome do item q4.

Caso ocorra coincidência na formação do nome do arquivo qq<nomearq>+<nomeitem> ao se compilar o esquema(define), ocorre erro.

OpenBASE! o Banco de Dados Inteligente Anterior Sumário Fale conosco! Próximo