Anterior Sumário Próximo OpenBASE! o Banco de Dados inteligente. Fale conosco!

ADIR()

Propósito

Retorna o número de arquivos encontrados em um diretório e opcionalmente características destes arquivos em vetores.

Sintaxe

<varn>=ADIR(<expc> [,<vetn>[,<vett.[,<veth>[,<vetd>[,<veta>]]]]] )

A expressão cadeia <expc> contém o nome do diretório e nome de arquivos a pesquisar.

Argumentos

O nome do diretório é opcional. O nome do arquivo pode conter ‘*‘ (asterisco) para indicar quaisquer caracteres.

O vetor cadeia <vetn> deve ter elementos de tamanho no mínimo 14 e conterá os nomes dos arquivos encontrados.

O vetor numérico <vett> conterá os tamanhos dos arquivos encontrados.

O vetor <veth> deve ter elementos de tamanho no mínimo 8 e conterá as horas de atualização dos arquivos encontrados.

O vetor <vetd> deve ter elementos de tamanho no mínimo 8 e conterá as datas de alteração dos arquivos encontrados.

O vetor <veta> deve ter elementos de tamanho no mínimo 6 e conterá os atributos dos arquivos encontrados. Em DOS os atributos são:

    para arquivo RDONLY    R    só leitura

    para arquivo HIDDEN    H    escondido

    para arquivo SYSTEM    S    do sistema

    para arquivo VOLID        V

    para arquivo SUBDIR        D    diretório

    para arquivo ARCH        A    arquivo normal

Exemplos

n=ADIR("*.f")

if n>0

  decl v1[n]=space(14)

  decl v2[n]=0

  decl v3[n]=space(8)

  decl v4[n]=space(8)

  decl v5[n]=space(6)

  n=ADIR("*.f",v1,v2,v3,v4,v5)

  for i=1 to n

    ?"nome=",v1[i],"tamanho=‘,v2[i],"hora=",v3[i],"data=",v4[i],"atributos=",v5[i]

  next

endif

Anterior Sumário Próximo OpenBASE! o Banco de Dados inteligente. Fale conosco!